Algumas das razões porque eu amo os Estados Unidos: minha homenagem nesse 4 de julho

Eu sou brasileira com muito orgulho e adoro o meu país, mas morando nos Estados Unidos desde 1992,  aprendi a admirar a América e tenho milhares de razões pra justificar meu amor e lealdade. Estas são apenas algumas delas:

  1. Liberdade individual- este país foi criado com base neste conceito e ele permeia todas as instituições e as relações entre as pessoas. Eu posso não gostar de você mas respeito seu direito de existir. Eu posso não concordar com o que você diz, mas respeito seu direito de falar o que quiser.
  2. Oportunidades- eu vim pros Estados Unidos como estudante e embora não tenha tido nenhum “padrinho” ou família pra ajudar a abrir portas, arranjei um emprego, e depois outro e outro e assim fui construindo uma vida produtiva. Depois de trabalhar por vários anos em uma empresa, resolvi abrir meu próprio negócio. Sem nenhuma burocracia e em menos de dois dias, todo o processo de criação da minha empresa estava finalizado. Quem já tentou abrir um negócio na Europa, por exemplo, entende como a burocracia é desestimulante.
  3. Somos todos americanos – a diversidade presente na maioria das cidades de médio e grande porte dos Estados Unidos é estimulante e um conforto pro estrangeiro. No Brasil, por exemplo, o cara que veio do Líbano há 50 anos  é o “Turco” e o Nissei, que embora tenha nascido no interior de SP,  é o “japonês.” Embora preconceito ou hostilidade ao estrangeiro exista em partes desses pais, aqui, somos todos americanos.
  4. Respeito as mulheres e aos direitos femininos– quando eu vou ao Brasil, uma das coisas que mais me incomoda é a falta de respeito a mulher e ao corpo feminino. E só ligar a televisão e você vê uma moça seminua vendendo desde água até carro. Além disso, acho duro de engolir que em pleno século XXI, o Brasil não reconhece o direito das mulheres ao aborto.
  5. Rock n Roll! Esta razão não precisa explicação, né?