Concertos ao ar livre

 Em Miami a gente vive pra outono, quando esfria um pouquinho e a umidade no ar desaparece. Aí, enquanto o resto do país se esconde debaixo dos cobertores, a gente sai pros parques para assistir concertos ao vivo. A New World Symphony, que é a mais importante academia sinfônica dos Estados Unidos, projeta concertos na fachada do seu prédio na Lincoln Road, que por sinal é lindíssimo e foi projetado pelo super arquiteto Frank Gehry. É só trazer um cobertor e uma garrafa de vinho para um programa imperdível e de graça. A minha dica é  ir ao concerto e depois sair pra comer alguma coisa ou fazer umas comprinhas ali mesmo na Lincoln Road.

Anúncios

A Night at the Opera

Eu procuro ir a quase todas as apresentações da Florida Grand Opera (FGO), a companhia que embora pouco conhecida dos turistas, se apresenta em Miami desde 1941 (Miami tem apenas 116 anos). A instituição cultural mais tradicional da cidade, a FGO lançou a carreira de muitas cantores, inclusive a do Pavarotti que teve seu debut nos Estados Unidos aqui em Miami em 1965

A ópera em Miami não é muito formal e tem um pouco de tudo, de jeans à vestidos de festa. Recentemente eu fui a ópera com um vestido preto da Fendi antigo mas que eu amo. Sinceramente, eu evito usar preto, pois todo mundo usa e a gente acaba de uniforme. Os sapatos são os meus adorados Valentinos e viraram uma assinatura da marca (similares no Netaporter).

Há ótimos restaurantes por perto do Arsht Center, principalmente no Design District, uma ótima pedida pro fim de noite.